A Importância do IFRS na Contabilidade

A Importância do IFRS na Contabilidade

Março 2021

Já se passaram mais de 10 anos desde a promulgação da Lei 11.638, que trouxe mudanças significativas para a contabilidade brasileira. Foi ela que determinou a convergência com as IFRS (International Financial Reporting Standards), as normas contábeis internacionais.

O IFRS é um conjunto de normas internacionais de contabilidade, emitidas pelo IASB (International Accounting Standards Board). As normas foram criadas com o objetivo de padronizar os procedimentos contábeis e critérios de negociação.

No Brasil, as IFRS foram traduzidas pela Comissão de Pronunciamentos Contábeis (CPC), a qual foi criada com esta finalidade. Esta comissão, visando simplificar a aplicação das normas no Brasil, emitiu o Pronunciamento Contábil para PMEs – Pequenas e Médias Empresas.

Adotado no Brasil e em mais de 120 países (em constante ampliação). Este padrão de escrituração contábil é fundamental para empresas que desejam crescer e manter uma boa imagem perante acionistas e investidores, por exemplo.

As Startups e o IFRS

Com o “boom” das Startups no Brasil, um crescente movimento de investidores estrangeiros estão virando as atenções para estas empresas. As Startups têm, por via de regra, necessidades de captação de investimentos

Para crescerem, tanto na fase de captação, quanto na fase de aceleração ou tração (quando conseguem investimentos), precisam de transparência contábil.

Investidores internacionais necessitam que os demonstrativos sigam as normas internacionais das IFRS. A mesma regra serve para qualquer empresa que busca internacionalização de marca, independentemente de seu porte.

Vantagens em adotar as IFRS

A primeira e provavelmente principal vantagem é a possibilidade de comparar as demonstrações contábeis brasileiras com as de empresas de praticamente qualquer país. Isso traz transparência e facilita a integração do Brasil ao mercado internacional de capitais.

Destacamos também a simplicidade na hora de integração das áreas contábeis em empresas multinacionais. Até mesmo a transferência de profissionais entre filiais ficou facilitada, já que os métodos de trabalho não mudam muito de acordo com o país.

Veja abaixo as normas utilizadas pelas PMEs – Pequenas e Médias Empresas – divididas por Seção. São aplicáveis de acordo com as operações ocorridas na empresa:

O modelo tem impactos até mesmo na eficiência das corporações. As IFRS’s permitem uma otimização e padronização das atividades contábeis. O planejamento também ganha com a geração de informações contábeis voltadas ao cunho gerencial. Com isso os gestores ganham mais dados para a construção do planejamento estratégico e para a tomada de decisões.

Magali Iorio Abdo Braga
Sócia Universidade ABordin

2021-03-25T10:04:39+00:00 Insider|